Eu zerei a vida

02/04/2019


Eu já falei mil vezes sobre jogar o lixo fora e limpar a casa, mas chega um momento em que só essa faxina emocional não adianta, a gente tem que mudar de ambiente/casa/lar.

Às vezes, uma viagem é importante pra te ajudar a retomar a partida, pensar com calma nos seus problemas e dar uma pausa. Eu resolvi viajar emocionalmente, olhar pra dentro de mim e pensar nos meus problemas sem me ver dentro deles, para tentar de alguma forma acabar de uma vez por todas ou deixar com que eles existam sem me ferir.

Eu tô dando o meu tempo ao tempo, deixando chover o mundo lá fora enquanto me acoberto aqui dentro. É clichê a comparação, mas borboletas são assim né? Elas entram em um casulo e saem ao estarem prontas. Aqui eu vou me transformar, aqui eu vou amadurecer e me guardar um pouco desse ritmo frenético onde as coisas acontecem sem que ninguém tenha controle nem um, e só saio daqui quando estiver inteiramente pronta. Firme para encarar tudo que aparecer, alegre, resiliente, convicta e tudo aquilo que eu possa me tornar. Eu vou zerar a vida e começar tudo de novo de um jeito muito melhor!

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e até a próxima!