Tão bem te quis que mal me fez

16/05/2017


   Quando eu te conheci você parecia personagem dos meus desejos mais bonitos. O meu dia inteiro se resumia ao momento em que eu ia te encontrar. Minha maior vontade era te mostrar as melhores coisas que eu guardava só pra mim. Eu te presenteei com os mais nobres grãos colhidos ao longo da estrada que percorri pra chegar até você.

   Nós dois éramos tão diferentes, eu não sei dizer o que tinha em você, mas eu te queria tanto. Infelizmente você não me via igual, você me anulava. Você rebaixava minhas ideias, e elevava outras pessoas. Minhas verdades pareciam tão frágeis, ainda que eu as tivesse vivido. Minhas teorias, minhas conclusões, minhas entrelinhas. Eu já não me via com carinho, porque eu parecia sempre tão monótona.

   Eu fui apagando aos poucos, deixando as minhas manias, abrindo exceções às regras, ignorando minhas decisões. Aos poucos eu fui esquecendo... Eu adorava tudo em você. Era tudo tão novo, tão diferente, tão melhor que eu. Eu fiquei insegura. Eu pirava porque tinha medo de que não fosse igual pra você, que eu não fizesse a diferença no seu mundo de volta, assim como você fazia no meu.

   Você me deixou por eu tentar ser a pessoa certa pra você.

   Eu me propus te conhecer melhor me deixando de lado. Eu deixei as minhas coisas, pra viver as suas. Mas com o tempo, eu já não parecia boa o suficiente aos meus próprios olhos. Você me deixava pensar o que eu quisesse, não se importava em acalmar meu coração. Enfim eu me toquei de que a pessoa que eu era pra você era totalmente diferente da pessoa que desejava ser pra alguém. Eu vi que, na verdade, a minha poesia era deliciosamente fabulosa, se lida corretamente. E você não soube ler.


Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Às vezes a gente se apaixona não por alguém, mas por algo que idealizamos e desejamos desse alguém, né? E o pior: não enxergamos mais o amor próprio, que é o melhor de todos!
    Adorei o texto! :)
    Cheiro de Pipoca

    ResponderExcluir
  2. Uau! Que texto lindo! Adorei como você colocou todas as partes. Isso demonstra o quão abusivo e destrutível para nós e a gente não percebe infelizmente =/ Amor próprio às vezes pode até parecer egoísmo mas é necessário. Amei! Beijos linda!

    Metamorphya•••

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e até a próxima!