Coisas para fazer quando não se tem nada para fazer

21/11/2016


Com o tempo descobri que ficar muito tempo “de boa”, não é saudável. Não se torna saudável quando a gente tem a sensação de que não está mais vivendo, quando sente a monotonia sempre presente, então ela deixa de ser sentida nos momentos de bobeira e passa a ser nossa companheira até quando se trata de nossas responsabilidades. Tudo passa a ser meio “chatinho”, meio mais ou menos, meio sem vontade.

Protelar vicia, sabia? E se você se sente assim como eu me sentia, vou te dar as respostas que eu encontrei pra fazer dessas horinhas algo até que produtivo.  

Monte playlists
Eu amo conhecer músicas novas! Houve um período que eu ouvia uma música diferente todos os dias, por isso, meu spotify andava todo bagunçado. Morro de vontade de organizar todas as playlists e as listas de artistas, ainda tô na metade desse processo, elas vivem se atualizando, mas é muito legal a sensação de entrar e estar lá uma playlist prontinha para cada momento e só curtir.

Customize algo
É muito legal a gente reformular peças de roupas que já não gostamos tanto, dar uma carinha diferente a algum objeto, mudar a decoração, ou fazer um acessório novinho e exclusivo pra você. Eu sempre me sentia muito melhor nas roupas e coisas que eu customizava e fazia do que as que eu comprava. Eu era simplesmente fascinada por customização quando mais nova e ultimamente tenho recuperado alguns bons e velhos hábitos como este.

Pesquise na internet sobre algum assunto diferente
Sabe aquela curiosidade sobre algo que paira na sua cabeça, mas que você não faz tanta questão de saber sobre? Pois é dela que estou falando. Eu, por exemplo, sempre pesquiso coisas relacionadas à gramática e a política, que são assuntos que me interessam muito. No entanto, foi fazendo essas pesquisas aleatórias na internet que eu descobri que “Grufra”, é uma palavra de origem árabe que significa a quantidade de água que conseguimos segurar com as mãos! J

Dê uma volta pela cidade sozinha(o)
Ultimamente tenho me desafiado a fazer coisas que não costumo fazer, sair sozinha é uma delas e as poucas vezes que saí sozinha pra dar uma volta pela cidade e espairecer foi de fato revigorante. Por mais contraditório que pareça, eu não presto muita atenção nas pessoas, eu na verdade, saio pra aproveitar o ar livre e conseguir relaxar as ideias na minha mente. Eu tive muita inspiração e muitas respostas fazendo isso. É uma experiência que parece simples, mas quando não se está acostumada, se torna muito diferente.


Essas são coisas que na nossa vida não temos obrigatoriedade nem uma de fazer, mas particularmente, aumenta minha qualidade de vida. Acaba que até nosso tempo livre se torna produtivo e interessante, essas pequenas coisinhas vão acrescentando muito pra gente com o decorrer do tempo e você vai poder perceber que vai ter muito mais a compartilhar com as pessoas ao seu redor fazendo desse tempo uma coisa que te acrescenta. Espero que tenham curtido e se tiverem mais dicas do que fazer nesses momentos, por favor, deixem nos comentários!

Beijo ♥ 

Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Post certo no momento certo <3

    http://blogamandanascimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olha vou te ser muito sincera, eu estava a "passear" pelo google+ quando vi o título do teu post e pensei "oh salvação!" cliquei logo! Este post é muito a MINHA CARA! Há dias (quase sempre mesmo) em que o desespero é demais...
    Adorei o post óbvio, obrigada pelas dicas.
    Beijocas
    Nome que será exibido

    ResponderExcluir
  3. Oi Nay, amei o post <3
    A dica sobre playlist é muito boa (vou aderir *-*).
    Blog Amor de Varanda

    ResponderExcluir
  4. Que post ótimo. É horrível ficar nessa sensação de vazio o dia inteiro ou mais, não é apenas tédio, é algo muito mais incômodo.
    Suas opções de distração são muito boas, eu adoro andar pela cidade (ouvindo música de preferência) quando estou assim. Passear com meu cachorro também ajuda ou sair pra ler fora de casa ao ar livre.
    Agora, organizar coisas é bom porque além de distrair dá uma sensação de utilidade, realmente funciona.
    Seu blog é muito bom aliás. Beijos.
    Eating Peanuts

    ResponderExcluir
  5. Ah que post maravilhoso, muito bom para ler nas férias.\
    Eu amo ler muito quando eu tenho um tempinho livre, ultimamente esse tempinho está curto. Sair sozinha é muito bom, eu moro junto com meu namorado há 2 anos já e trabalhamos na mesma empresa, fazemos o mesmo curso e temos o mesmo horário, como ele tem moto eu quase sempre peço que ele me leve nos lugares, muito mais rápido que ir de ônibus, e mais seguro. Mas eu lembro exatamente dos dias que eu tive que fazer o vestibular numa escola longe e ele foi fiscal numa pertinho de casa, o primeiro dia eu fiquei um pouco triste, com medo, mas no segundo dia eu estava amando aquilo, foram tres dias, parece que me deu um up maravilhoso. Eu só não saio mais para caminhar e jogar um pokemon (ninguém é de ferro) porque minha cidade está muito perigosa, a força nacional veio apoiar a Policia de tanta violência, mas meu pai vai me dar um bicicleta e vou me sentir melhor para fazer isso, pelo menos uma vez ao dia! Adorei teu post, de verdade


    Carol | Pink is not Rose

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e até a próxima!