Quem é você que eu gostei tanto?

24/08/2015

Foto: Tumblr
“Duas e dezoito da tarde, faltam poucos minutos para o meu voo. Finalmente encontrei meu acento e mal posso esperar para me acomodar. Ufa, que bom que é na janela. Opa! Olá, desconhecido.

Você estava de cabeça baixa, lendo algo que eu não dei muita importância em saber o quê. Quando você olhou para cima, reparei nos belos olhos que você tinha. Não eram verdes, daqueles que te fazem babar; nem azuis, daqueles que a gente sente vontade de mergulhar. Eram simples e doces olhos pretos, daqueles chorosos.

Você sorriu, me deu espaço para chegar à minha poltrona, ao me sentar, dirigiu-me um “oi” em tom baixo, para não parecer mal educado. Eu respondi. Você voltou para sua leitura e eu puxei o notebook para assistir mais uns dois episódios de GOT que estavam atrasados. Você reparou, deu aquela olhadela para o lado que as pessoas costumam dar no ônibus para conferir o que a outra está fazendo no celular. Mas eu percebi. Você ficou desconcertado e me pediu desculpas. Eu disse que tudo bem, perguntei se você gostava e engatamos uma conversa sobre GOT e outras séries, passa-tempos, rotina, minha vida que parecia filme e coisas aleatórias.

Uma hora e meia depois, o vôo tinha escala e ainda nem chegamos a decolar. Nesse instante fomos avisados de que havia um problema com o tempo e algo no motor, que só partiríamos depois de algumas horas, que poderíamos esperar na sala de embarque – por pelo menos umas oito horas –, ou aguardar os vôos que sairiam no dia seguinte com os destinos do nosso avião. A essa altura nem pensar em ter que voltar para casa e perder a oportunidade de continuar a conversa que estava ficando cada vez melhor. Dava pra perceber que você tava gostando. Mas tanto tempo no aeroporto, ninguém quis encarar.

Fomos para o hotel do lado, quartos 31 e 32.
***
Saí do banho, passei na geladeira e catei uns morangos, ouvi alguém bater, era você. Abri a porta com meu pijama, blusa cinza de ursinho de dormir e short rosa de algodão, você me fitou por uns dois segundos e me atacou. Varou porta à dentro, me agarrou com um braço pela cintura, fechou a porta com a outra mão e foi me beijando até chegarmos à cama. Você ficou louco com meu cheiro de banho tomado, minha pele recém banhada por hidratante e pelo meu corpo que dizia sim.

Você tirou a camisa, voltou beijando-me as coxas, a barriga, por entre os seios, enquanto fazia isso, aos poucos despia-me não só de roupas, mas também de pudor. Levamos a coisa adiante, aproveitamos cada minuto das poucas horas que tínhamos. Esperar um vôo atrasado nunca foi tão bom.
Acordei com o teu cheiro no travesseiro e um bilhete que dizia “foi real”.   
***


Caminhei pela sala de embarque, não te encontrei. Meu vôo foi chamado e nada de você. Me acomodei ao lado se uma senhora gentil e me dei conta de que você partiu no vôo anterior.”
Foto: google

Comentários
6 Comentários

6 comentários:

  1. Muito bom ! Parabéns, instigante e excitante

    ResponderExcluir
  2. Como assimmm? Preciso de um final feliz pra essa história :O

    www.faltouacucar.com

    ResponderExcluir
  3. ai que lindo *-* quando você conhece alguém acontece bem isso mesmo haha ! você fica "procurando" a pessoa , na esperança dela estar novamente aonde você está por coincidência ^^

    http://www.nataliloure.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nayandra você pode fazer o favor de continuar essa história PELO AMOR DE DEUS? hauauhuahau
    Eu quero ler muito mais. Você tem um dom maravilhoso. Ai meu deus, onde tem mais? Miga, sério! hahahaha <3

    ResponderExcluir
  5. Aff, aff! Odeio quando as histórias não tem final feliz! Muito bom, eu adorei. Sua escrita é leve e envolvente <3
    Te indiquei para uma TAG no blog, beijos

    ResponderExcluir
  6. AHIUAHAHIAHAH fico muito feliz que vocês tenham gostado.
    Confesso que fiquei insegura com esse texto por justamente não ter o final feliz que todos esperam, mas gostei muito da reação de vocês e fato de terem curtido mesmo assim.
    Essa história provavelmente não vai ter continuação, mas outras melhores virão.
    Beijos à todas. Obrigada pela visita e Bárbara, valeu por ter me indicado na TAG, pode deixar que eu vou responder ♥

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e até a próxima!